by

Alimentação saudável também começa no berçário

Comer bem se aprende em casa? Nem sempre. Muitas vezes, os pais não sabem como lidar com o desenvolvimento das crianças e os maus hábitos aparecem: Elas se entopem de guloseimas e alimentos gordurosos.

A educação alimentar começa nos primeiros meses de vida: com paciência e educação, é possível fazer com que seus filhos comam um pouco de tudo do que é saudável.

O desenvolvimento do paladar é um tratamento que deve começar logo cedo.

A partir dos seis meses de vida, o bebê já começa a experimentar sucos, sopinhas de legumes e papinhas de frutas. É a chamada fase de apresentação de alimentos.

É uma tarefa complicada, que requer paciência e muita insistência.

Os berçários enfrentam dificuldades, uma vez que as crianças já vem com hábitos alimentares de suas casas, não aceitando a alimentação sólida, muito difícil de introduzir. Ou mesmo crianças que trocam as refeições pela mamadeira de leite.

Criar o hábito de comer verduras e legumes não é fácil.

“Tem fases que é da criança, ela vai ficar mais seletiva mesmo, é normal. Alguns casos, eu percebo que já vem de casa, não teve aquele ínicio correto da alimentação. Ficou mais restrito e a criança não desenvolveu o paladar”, afirma Fabiane Boyadjian, coordenadora pedagógica de um berçário em São Paulo.

Confira mais sobre o tema na matéria produzida pela Tv Record.