by /0 comments

Aumenta a falta de vagas na rede municipal de São Paulo

A fila de espera ganhou 22 mil crianças neste ano, revela reportagem da Folha de S. Paulo

A falta de vagas em creches e pré-escolas na rede municipal de São Paulo esta crescendo e ganhou 22 mil crianças neste ano, revela reportagem da Folha de S. Paulo. Ao todo, cerca de 123 mil crianças aguardam uma vaga nas escolas públicas paulistanas.

A reportagem de Fábio Takahashi informa que a fila por creche aumentou mesmo com a oferta de 7 mil novas matrículas este ano. Na pré-escola, a falta de vagas cresceu porque a secretaria de educação fechou vagas em escolas com excesso de alunos. O corte ocorreu para reduzir o tamanho das turmas, eliminar o chamado terceiro turno e redistribuir a rede conveniada.

Além disso, as obras das novas unidades atrasaram. Das 142 escolas prometidas em 2009, com 85 mil novas vaga, só oito estão em construção. O resto deve ser entregue em 2011. Com isso, as matriculados em pré-escola recuaram de 308 mil para 285,8 mil.

O secretário da Educação, Alexandre Schneider, admitiu ao jornal que há problemas, mas garanti que a situação está melhorando. “Não acho bom criança fora da escola. Tanto que construímos 63 Emeis. Mas não posso deixar a escola um depósito, como era. Já melhoramos muito.”, afirmou.

Sobre o atraso nas obras, ele alegou dificuldade em encontrar terrenos e conseguir as licenças para a construção.

Para o pesquisador da Faculdade de Educação da USP, Rubens Camargo, “o sistema precisa de planejamento adequado; houve erro na previsão”.

Já o defensor público estadual Flávio Frasseto, cobrou mais organização da secretaria. “A prefeitura deve se organizar para não seguir nessa omissão”, disse.

Leia a íntegra da matéria da Folha de S. Paulo (só para assinantes do jornal)

церковь заготзерновский проезд 14google баннерная рекламазимняя куртка с меховым капюшоном