by /0 comments

Câmara aprova fundo social do pré-sal com 50% para educação

Desse total, 80% deverão ser direcionados à educação básica e infantil. O texto segue agora para sanção presidencial.
Por 204 votos a favor, 66 contra e duas abstenções, o Congresso Nacional aprovou na noite da quarta-feira, dia 1, o projeto de lei do pré-sal que cria o Fundo Social e muda o sistema de exploração do petróleo de concessão para partilha.

Metade do dinheiro do fundo será investido em programas de educação. Desse total, 80% deverão ser direcionados à educação básica e infantil. O texto segue agora para sanção presidencial.

O presidente da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), Yann Evanovick, disse o próximo passo é garantir que o presidente sancione o texto. “Após a conquista do voto aos 16, essa foi a nossa maior vitória. Precisamos reafirmar o nosso posicionamento para que consigamos a sansão presidencial”, afirmou em declaração no site da UNE.

O presidente da UNE, Augusto Chagas, disse “que não pode acontecer com o pré-sal o que já houve com o pau-brasil, com o café, exemplos de ciclos econômicos que estão registrados nos livros de história mas não se traduziram em benefícios à população”.

Para as entidades estudantis, a aprovação do projeto poderá ajudar “a aumentar os recursos destinados à educação, com objetivo do país alcançar 10% do PIB em investimentos na área”.владимир мунтян отзывыtranslator inлинейные светодиодные