by /0 comments

Enem deverá ter duas edições em um período de 8 meses

Ministério da Educação confirma notícia da Folha de S. Paulo de que Exame Nacional do Ensino Médio deve ser dias 22 e 23 de outubro de 2011 e 5 e 6 de maio de 2012
A Agência Brasil informa que o Ministério da Educação confirmou nesta sexta-feira, dia 13, a notícia do jornal Folha de S. Paulo de que fará duas edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em menos de um ano: 22 e 23 de outubro de 2011 e 5 e 6 de maio de 2012.

Segundo a colunista Mônica Bergamo, a prova terá novas medidas de segurança, entre elas a proibição do uso de celular na sala da prova. Se o estudante for pego com o telefone, a avaliação será cancelada.

Em 2010, mais de 4,6 milhões de candidatos se inscreveram e cerca de 3 milhões fizeram o exame.

Em 2009 o MEC mudou o Enem na tentativa de substituí-lo pelos vestibulares tradicionais. O vazamento da prova, no entanto, atrapalhou os planos, e dois dos maiores vestibulares do Brasil, Fuvest e Unicamp, desistiram de usar as notas do Exame em seus vestibulares.

Também criou o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), no qual os alunos podem pleitear vagas em instituições públicas de ensino superior de todo o país. Em 2010, o Sisu ofertou 83 mil vagas em 83 instituições, sendo 39 universidades federais.

O Enem também é pré-requisito para os interessados em uma bolsa do ProUni. Para participar do programa é necessário, além de ter baixa renda, ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou em colégio privado com bolsa integral.ueufkотзывы биолсколько нервов в зубе