by /0 comments

Estado de São Paulo amplia possibilidade de reprovação no ensino fundamental

O jornal Folha de S. Paulo informa que a reprovação poderá acontecer no 3º, 6º e 9º anos. Antes o aluno só podia ser retido no 5º e 9º

O governo de São Paulo vai aumentar o número de séries em que os estudantes podem ser reprovados no ensino fundamental das escolas públicas. O jornal Folha de S. Paulo informa que a reprovação poderá acontecer no 3º, 6º e 9º anos. Antes o aluno só podia ser retido no 5º e 9º.

A Secretaria Estadual de Educação disse ao repórter Fábio Takahashi que não poderia explicar a alteração antes do anúncio oficial, nesta sexta-feira.

O jornal sustenta que a alegação do governo para a mudança será a de que vai demorar menos para detectar os alunos com dificuldade de aprendizagem.

Dois ex-gestores da Secretaria da Educação disseram ao jornal, sob a condição de não terem os nomes publicados, que a medida é “populista” e que não houve discussões no Conselho Estadual de Educação.

A Secretaria afirmou que as mudanças surgiram após mais de 70 encontros do secretário Herman Voorwald com educadores, desde 2011.

A reportagem também insinua que mudança tem caráter político porque há três meses, a prefeitura de São Paulo também aumentou de dois para cinco o número de séries com possibilidade de reprovação

Как продвинуть веб-сайт банка?туры в хорватию из харьковакупить комбинезон для девочки распродажа