by /0 comments

Funcionários do Inep ameaçam com greve na véspera do Enem

Uma funcionária da autarquia do Ministério da Educação garantiu que a greve não irá comprometer a realização do exame, dias 5 e 6 de dezembro
Os funcionários do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) aprovaram nesta terça-feira, dia 1, um indicativo de greve para a próxima sexta-feira, véspera da realização do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem.

Uma funcionária da autarquia do Ministério da Educação, que pediu para não ter o nome revelado, garantiu que a greve não irá comprometer a realização do exame, marcado para este sábado e domingo. Mais de 4 milhões de alunos estão inscritos.

Ela disse que existe uma grande lista de reivindicações, mas citou apenas “uma equiparação nas tabelas das três carreiras” do Inep.

Um outro funcionário do instituto informou que a greve só não acontecerá se o Inep fizer uma contraproposta. Ele disse que o presidente do Inep, Reynaldo Fernandes já foi informado do movimento.

A CGC Educação enviou mensagens para as assessorias de imprensa do MEC e do Inep, mas não recebeu retorno.

O Enem estava marcado inicialmente para acontecer no dia 3 e 4 de outubro, mas foi adiado por causa do vazamento da prova. Cinco pessoas foram indiciadas pelo vazamento.https://il.topodin.com/seo/post/opredelenie-pozitsii-veb-sajtaалександр лобановский отзывыcluedo online