by /0 comments

Guia tira dúvidas sobre plano nacional de formação de professores

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) informa que que são dois documentos: um para professores e outro para os sistemas de educação
A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) publicou nesta segunda-feira, dia 27, um guia com respostas às perguntas mais frequentes sobre o Plano Nacional de Formação de Professores. As inscrições terminam no dia 31 de julho. Para participar, o professor precisa acessar o site Plataforma Paulo Freire.

A assessoria de imprensa da autarquia do Ministério da Educação informa que são dois documentos: um específico para professores e outro para os sistemas de educação, com um total de 43 respostas.

Até a última sexta-feira, 47% das 54 mil vagas oferecidas pelo plano haviam sido solicitadas, relata a Agência Brasil. O secretário de Educação à Distância do MEC, Carlos Eduardo Bielschowsky, disse à agência de notícias do governo federal que as secretarias estaduais e municipais de Educação precisam participar. “As secretarias precisam consolidar essas inscrições. É preciso ver se aquela formação que o professor pediu coincide com o planejamento e com as necessidades da rede”, disse.

De acordo com o ministério, as instituições de ensino terão que selecionar os candidatos se a demanda for excedente. Quem não for atendido agora poderá participar dos cursos nos próximos semestres.

A formação é oferecida para três situações: primeira licenciatura para professores que não têm curso superior; segunda licenciatura para aqueles que já são formados, mas lecionam em áreas diferentes da que se graduaram, e a licenciatura para bacharéis que necessitam de complementação para o exercício do magistério.

A meta do Plano Nacional de Formação de Professores, lançado em 28 de maio deste ano, é formar até 2012, 330 mil professores. São 96 instituições de educação superior, das quais 82 públicas (54 federais e 28 estaduais) e 14 comunitárias e confessionais envolvidas na oferta de cursos.

Os cursos serão oferecidos tanto na modalidade presencial como a distância, pela Universidade Aberta do Brasil (UAB). Do total de vagas, 52% são em cursos presenciais e 48%, em cursos a distância.

A Plataforma Paulo Freire

Os guias da Capesinto french translationseo на экспорткупить круглую светодиодную панель