by /0 comments

Mantega diz que não há dinheiro para 10% do PIB em educação

Ministro da Fazenda pediu um tempo para analisar a proposta de fixar em 7,5%, prevista no relatório ainda em análise no Câmara

Em reunião na terça-feira, dia 10, com parlamentares da Comissão Especial do Plano Nacional da Educação (PNE), o ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou que “não há condições financeiras” para ampliar o investimento em educação para 10% do PIB nos próximos 10 anos.

O presidente da comissão, Wellington Coimbra (PMDB-ES), disse ao portal IG que o ministro destacou ainda que não há “capacidade de gastar” mais em educação.

Já o jornal O Globo noticia que Mantega pediu um tempo para analisar a proposta de fixar 7,5% do PIB no setor, prevista no relatório ainda em análise na comissão.

Ele disse que o compromisso de campanha da presidente Dilma era aumentar dos atuais 5% para 7%, e não para 10%, como defendem diversas entidades ligadas à educação.

O presidente da Comissão de Educação da Câmara, Newton Lima (PT-SP), disse ao jornal Correio Braziliense que Mantega acenou com a possibilidade reavaliar o valor nos próximos cinco anos.

O relator da proposta na Câmara, deputado Angelo Vanhoni (PT-PR), acha que o percentual de 7,5% “fará uma revolução na educação”.

O presidente da comissão do PNE disse que ainda continua “na dúvida sobre aceitar ou não o parecer do relator”. Segundo ele, na próxima semana ele decidirá se vota a matéria ou busca mais informações.

владимир мунтян семьяТрафик – это…брюки утепленные для мальчиков glissade купить

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone