by /0 comments

Monografia ganha espaço no Ensino Médio das escolas

A monografia, trabalho específico sobre determinado assunto com calhamaço de páginas e formatação em padrões científicos, que exige horas de pesquisa e escrita, antes restrita somente aos bancos estudantis das faculdades, tem ganhado cada vez mais espaço no ensino médio das escolas da capital paulista. Na era do copia e cola a aplicação desse tipo de trabalho ainda no colegial tem surgido como um antídoto ao conteúdo raso e rápido encontrado na internet, plataforma que vem se impondo como uma das principais fontes de informação dos dias atuais.

No Colégio Equipe, localizado em Higienópolis, alunos da 3ª. Série são suscitados a apresentar monografias sobre os temas: literatura e arte, história, saúde e educação ou adolescência e psicanálise, “Desde fevereiro eles estão debruçados nessa tarefa”, explica a diretora pedagógica Luciana Fevorini, “São trabalhos com 30 páginas no mínimo em formatação padrão de monografia”, detalha ela. Para Luciana, “esse tipo de trabalho propicia o aprofundamento conceitual e metodológico e condições para o desenvolvimento da autonomia intelectual do aluno”.

A novidade é a elaboração do “Diário de Bordo”, um caderno de campo onde o estudante registra toda a trajetória do seu pensamento e pesquisa; como trabalha, como pensa, se inquieta. Este ano, a apresentação dos trabalhos de monografia acontece na semana entre 7 e 11 de novembro.

Na região oeste, na 2ª. série do Ensino Médio do Colégio Ítaca, os professores pedem uma “dissertação ou estudo minucioso que se propõe a esgotar determinado tema, podendo ser ele ponto da história, da arte, da ciência ou sobre uma pessoa ou região”. Em abril os alunos escolheram cada um o seu tema. No mês seguinte, em conversas com o orientador, entregaram uma pesquisa de bibliografia e um pré-projeto. Em junho e julho, pesquisaram, pediram orientações e escreveram o “corpo” e no último mês de agosto, com orientações individuais combinadas, finalizaram a redação.

Para Mercedes de Paula Ferreira, diretora pedagógica do Ensino Médio do Ítaca, “a monografia permite uma maturidade intelectual do aluno”. Segundo ela, não há banca final, os alunos expõem o tema se quiserem e metade da pesquisa tem de ser feita nos livros.

Já no Colégio Móbile, em Moema, também na 2ª série os alunos têm a possibilidade de desenvolver projetos de iniciação científica, nos mesmos moldes dos exigidos pelas universidades no último ano da vida acadêmica. “Os estudantes podem estabelecer contato direto com a atividade científica a partir de um instrumental teórico e metodológico que os torna capazes de desenvolver um trabalho estimulante e criativo”, diz Maria da Glória Andrade Martini, assessora da direção do ensino médio.

O projeto de Iniciação Científica do Colégio Móbile pretende incentivar a pesquisa de temas de interesse nas áreas de Ciências da Natureza e Matemática e Humanidades.

E como fazer quando essas todas as áreas são de amplo interesse? Daniel Torres Guinazi, aluno do 3º ano do ensino médio, é um apaixonado por cinema, mas também gosta muito da área de exatas. Como conectar esses dois campos do conhecimento aparentemente distantes?

“No projeto teria que dar um jeito de interligar o cinema e as exatas. Depois de pesquisar muito, eu fiz um recorte na área da física, a ótica, para estudar as lentes das câmeras cinematográficas e as intenções no que se refere às mensagens dependendo do seu uso. Mostrar que, a partir da utilização de determinada lente, o diretor pode criar a estética e a linguagem do seu filme”, explica. Aplicação direta da ótica na sétima arte!

Para o estudante, o grande mérito desse trabalho é mostrar a aplicação direta de um conceito, a princípio árido, em uma área bastante atraente que é o cinema. “Ótica costuma ser bem impopular entre os estudantes. Já o cinema, não há quem não goste, e quando você senta na sala de exibição nem imagina o quanto de ciência exata está por trás do espetáculo”, acrescenta. Leia mais sobre o projeto do aluno, acessando o link Projeto Iniciação Científica – O cinema e as exatasсделать сияющую кожу макияжчерный карандашfree slot downloads for mobile