by /0 comments

As provas serão nos dias 6 e 7 de novembro, informou o Inep. A novidade para a edição deste ano é a inclusão de língua estrangeira As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010 começam dia 21 de junho e vão até 9 de julho, exclusivamente pela internet. As provas serão nos dias 6 e 7 de novembro, informou o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), nesta quarta-feira, dia 9. O exame continuará com 180 questões de múltipla escolha e uma redação. A novidade para a edição deste ano é a inclusão de língua estrangeira. No momento da inscrição, o aluno deverá escolher entre o inglês e o espanhol. No primeiro dia, um sábado, as provas serão de ciências da natureza e humanas, cada uma com 45 questões. No segundo dia, os candidatos serão avaliados em matemática e linguagens, cada uma com 45 questões, e também terão de fazer a redação. Será cobrada a mesma taxa de inscrição das edições passadas, R$ 35. Os alunos de escolas públicas são isentos. Os detalhes serão publicados em uma portaria na próxima semana.

Inscrições para o novo Sistema de Seleção Unificada começam nesta quinta-feira, dia 10, e vão até 14 de junho. Podem disputar as vagas os estudantes que participaram do Enem em 2009
Trinta e cinco instituições públicas de ensino superior estão oferecendo 16 mil vagas para o segundo semestre através do novo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Podem disputar as vagas estudantes que participaram em 2009 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Das 35 instituições participantes, 15 são universidades federais, 18 institutos federais e duas universidades estaduais. Oito delas aderiram pela primeira vez ao sistema, informa a Agência Brasil. O Sisu foi criado pelo Ministério da Educação para que estudantes disputem vagas em instituições públicas a partir do resultado do Enem, em substituição ao vestibular.

O estudante poderá se inscrever em até dois cursos e indicar a primeira opção. Durante o período de inscrição (de 10 de junho até 14 de junho), o candidato pode alterar suas escolhas se perceber que tem mais chances de passar em alguma outra instituição ou curso diferente do que escolheu.

Ao final das inscrições, haverá três chamadas. Quem for aprovado para sua primeira opção é retirado do sistema. Já o estudante que for selecionado para sua segunda opção ou não atingir a nota mínima para nenhum dos cursos escolhidos poderá permanecer em uma lista de espera. Ao final das três chamadas, caso ainda existam vagas disponíveis, as instituições convocarão os candidatos a partir da lista de espera.зубные протезыcanon lbp 3010 заправкаигры для девочок