by /0 comments

Sindicato faz protesto nacional pelo piso do professor

Pelo menos 11 sindicatos estaduais anunciam adesão à paralisação nacional convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE)
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) promove nesta terça-feira, dia 16 uma paralisação nacional para cobrar dos governadores e prefeitos o cumprimento da lei que criou o piso nacional dos professores, em 2008. Segundo a entidade, professores de inúmeros estados e municípios ainda não recebem o valor estipulado em lei. No site da CNTE, 11 sindicatos estaduais anunciam adesão ao protesto (veja em http://www.cnte.org.br/index.php/paralisacao-nacional).

Além do piso, a CNTE também reivindica a criação de planos de carreira e a aprovação do Plano Nacional de Educação (PNE), ainda em debate no Congresso.

O presidente da entidade, Roberto Leão, denuncia que muitos gestores “pagam o piso para o professor de nível médio e dão uma diferença de 10, 20, 30 reais para o professor com formação de nível superior. “Isso descaracteriza a carreira”, diz ele em nota no site.отзывы классгде можно разместить объявление бесплатноfree online casino