by /0 comments

Sistema de consulta do Enem é burlado

Segundo o Inep, que aplica o exame, as “notas publicadas por participantes em sites de relacionamento não são reconhecidas pelo Inep”

Sistema de consulta do Enem é burlado O Instituto Nacional de estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou uma nota oficial nesta quarta-feira, dia 21 de novembro, informando que o “sistema de consulta (do Enem) foi burlado, possibilitando acesso irregular a uma base de teste”.

Segundo a assessora de imprensa do Inep, Elaina Daher, o problema foi detectado assim que a consulta on-line foi liberada no site do Inep. Imediatamente a base de testes foi tirada do ar.

De acordo com ela, os jovens que burlaram o sistema de consulta começaram a publicar notas no site de relacionamento orkut. Elaina garantiu que a base de dados do Enem não foi violada. “Não há possibilidade de alteração em nossos bancos de dados. O boletim do banco de testes foi visualizado, apenas isso”, afirmou em entrevista por e-mail.

Questionada se existe a possibilidade de erro no resultado oficial em virtude deste problema, a assessora de imprensa respondeu: “claro que não”.

O Inep deve divulgar o resultado do Enem nesta sexta-feira, dia 23.

A prova foi aplicada no dia 26 de agosto e registrou 23,4% de abstenção. Dos 3.580.667 alunos inscritos para fazer a prova, 838.119 não fizeram o exame.

O objetivo do exame é avaliar o desempenho do aluno ao término do ensino médio.

Leia a nota oficial do Inep

Росскачать игрыdouble slots