Secretaria de Educação do Estado de São Paulo abre chamada pública para empresas de tecnologia digital

A Secretaria de Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) abre hoje (26) inscrições para empresas de tecnologia digital interessadas em apresentar conteúdos, ferramentas e plataformas, em formato digital, que facilitam, potencializam e apoiam as atividades de docentes, estudantes e gestores, para fins pedagógicos e/ou administrativos. Os recursos educacionais digitais selecionados e avaliados pela Seduc-SP vão compor o Guia de Recursos Educacionais Digitais do Estado, um catálogo digital que será disponibilizado para todas as escolas da rede pública estadual.

O objetivo da ação é construir um catálogo de recursos educacionais digitais qualificados que poderão ser adquiridos diretamente pelas escolas ou de forma centralizada, pela própria Seduc-SP O guia também disponibilizará ao seu público as especificações e informações técnicas e pedagógicas da tecnologia avaliada.

De acordo com a secretária executiva da Educação, Renilda Peres de Lima, no guia constam parâmetros de contratação de tecnologias educacionais para a melhoria do ensino nas escolas. “É um balizador importante para aprimorar o processo de ensino e aprendizagem nas escolas estaduais aqui de São Paulo, que vem para garantir o padrão dos materiais escolares”, destaca.

As empresas interessadas em submeter suas tecnologias ao processo de avaliação pela Seduc-SP devem atender aos requisitos de participação descritos no edital e apresentar suas propostas em quatro linhas:

– Ferramenta de apoio à gestão pedagógica.

– Plataforma de aprendizagem adaptativa.

– Biblioteca virtual de livros.

– Biblioteca virtual de questões.

– Ferramenta de apoio à inclusão de estudantes com deficiência.

As inscrições têm início hoje, 26 de julho, e devem ser feitas somente pela plataforma http://www.guiadetecnologia.educacao.sp.gov.br/. Conforme o cronograma do edital, o período de inscrição ficará aberto por 12 meses e o processo de avaliação será realizado em blocos, por especialistas servidores da Seduc-SP.

Para a aquisição dos recursos educacionais digitais as escolas poderão usar a verba do PDDE-SP observando as orientações da Seduc-SP.

Mais informações sobre requisitos de participação, critérios de avaliação e cronograma, podem ser adquiridas no edital do programa (05/2021).

Inclusão digital

O Guia de Recursos Educacionais Digitais do Estado de São Paulo faz parte do Programa Conecta Educação, que reúne uma série de iniciativas Governo de São Paulo para promover a inclusão digital e atender às demandas de estudantes, docentes e gestores do século 21. Entre as iniciativas vinculadas a Seduc-SP estão o Programa Mega Escola, que promove o aumento na velocidade das conexões das escolas para 100 Mbps, até o final de 2022; a renovação do parque tecnológico das escolas, que investe R$ 1,5 na compra de desktops, notebooks, tablets, chips de internet e outros itens e o Programa Computador do Professor, que subsidia até R$ 2.000,00 na compra de computadores pelos docentes.

Originalmente publicado em...