Duas escolas estaduais da capital receberão R$ 2 milhões em obras

Nesta terça-feira (14), o Secretário Estadual da Educação, Rossieli Soares, assinou ordens de serviços (OS) para autorização de obras em duas escolas estaduais da capital. As intervenções somam mais de 2 milhões em investimento.

Para a Escola Estadual Professor Oswaldo Guerner Gonzalez, a obra de mais de R$1,1 milhão é a segunda boa notícia, sendo a outra o anúncio que a unidade passará a integrar o Programa de Ensino Integral (PEI) a partir do próximo ano. Entre os serviços contratados estão: Execução de nova rede de esgoto, reparos nas instalações hidráulicas, reforma geral das instalações elétricas; e pintura geral da unidade escolar, interna e externamente.

“As pessoas precisam entender que precisamos nos modernizar e olhar para frente. O Novo Ensino Médio, por exemplo, gerou muita discussão, mas estamos nos modernizando seguindo no caminho correto, e as escolas do Projeto de Ensino Integral seguem o mesmo caminho. É a educação lado a lado com a modernidade”, disse Rossieli Soares.

“Eu fiquei muito feliz de saber do início da obra, pois nós precisamos disso há muito tempo. A importância dessa obra é ter um lugar melhor para os nossos alunos”, declarou a diretora da unidade, Márcia Romano Amarente.

Já a Escola Estadual Professora Carolina Augusta da Costa Galvão irá, em 7 meses, passará por uma reforma geral da unidade e também da cobertura. A obra tem o valor de mais de R$ 857 mil.

“Nossa escola atende uma comunidade extremamente carente, da qual nos temos orgulho de fazer parte e de estarmos nesta luta para a melhoria da nossa escola. Agora temos o resultado, com a assinatura deste contrato que atende as nossas demandas e expectativas. Nós estamos muito felizes”, afirma Regina Santos, diretora da unidade.

Reunião com diretores

O Secretário também se reuniu com diretores da Diretoria de Ensino (DE) Centro Sul. O encontro visa fortalecer os vínculos de forma mais direta entre Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) e as escolas estaduais.

“É superimportante a vinda do Secretário para a nossa região, para que ele possa estar perto das nossas escolas, diretores, supervisores e passar tudo aquilo que a Secretaria tem feito, e também, ouvir os diretores, que e vivenciam no dia a dia os problemas e as angústias dentro das escolas. Assim ele pode ver de fato como chegam as políticas públicas aqui na ponta”, avalia a dirigente de ensino da DE Centro Sul, Maria Isabel Faria.

Os diretores puderam fazer questionamentos diretamente ao secretário e também compartilhar suas experiências. As visitas ainda devem ocorrer em outras DEs até 30 de novembro. Entre os assuntos tratados estão: objetivos estratégicos, visão de futuro, missão, valores, pessoal, equipe, eficiência na utilização de recursos públicos, uso da tecnologia e otimização de processos.

Originalmente publicado em...